Problemas sexuais que costumam afetar as mulheres!

Os desejos sexuais das mulheres variam naturalmente ao longo dos anos. Altos e baixos comumente coincidem com o início ou fim de um relacionamento ou com grandes mudanças na vida, como gravidez, menopausa ou doença. Alguns medicamentos usados ​​para transtornos do humor também podem causar baixo desejo sexual em mulheres.

Se a sua falta de interesse em sexo continuar ou retornar e causar sofrimento pessoal, você pode ter uma condição chamada transtorno de desejo sexual hipoativo.

Mas você não precisa atender a essa definição médica para procurar ajuda. Se você está incomodado com um baixo desejo sexual ou diminuição do desejo sexual, existem mudanças de estilo de vida e técnicas sexuais que podem colocá-lo no humor com mais freqüência. Alguns medicamentos podem oferecer promessa também, como é o caso do suplemento conhecido como Duratron.

Sintomas

Se você está fazendo sexo com menos frequência do que seu parceiro deseja, nenhum de vocês está necessariamente fora da norma para as pessoas na sua fase da vida – embora suas diferenças possam causar angústia.

Da mesma forma, mesmo que o seu desejo sexual seja mais fraco do que antes, seu relacionamento pode estar mais forte do que nunca. Resumindo: Não existe um número mágico para definir o baixo desejo sexual. Isso varia entre as mulheres.

Os sintomas de baixo desejo sexual em mulheres incluem:

  • Não ter interesse em nenhum tipo de atividade sexual, incluindo masturbação
  • Nunca ou apenas raramente tendo fantasias ou pensamentos sexuais
  • Estar preocupado com sua falta de atividade sexual ou fantasias

Quando ver um médico

Se você está preocupado com o seu baixo desejo sexual, converse com seu médico . A solução pode ser tão simples quanto mudar a medicação que você está tomando e melhorar quaisquer condições médicas crônicas, como pressão alta ou diabetes.

O desejo sexual é baseado em uma interação complexa de muitas coisas que afetam a intimidade, incluindo bem-estar físico e emocional, experiências, crenças, estilo de vida e seu relacionamento atual. Se você está enfrentando um problema em qualquer uma dessas áreas, isso pode afetar seu desejo por sexo.

Alimentos que diminuem sua libido!

Você já esteve em um carro onde o motorista está sempre pisando nos freios? Pode ser uma pura tortura, certo? Isso é o que esses alimentos são para o seu desejo sexual, que normalmente são alimentados pela testosterona.

Muitas vezes pensamos nisso como um hormônio que os homens têm em seus corpos. O estrogênio, por outro lado, consideramos principalmente um hormônio feminino.

A verdade é que tanto a testosterona quanto o estrogênio desempenham papéis vitalmente importantes nos corpos de ambos os sexos e – a menos que tenhamos uma boa proporção de um para o outro – todo tipo de coisa pode ficar instável.

Os homens podem ter seios; as mulheres podem brotar pêlos faciais excessivos. Mas, em ambos os casos, um desequilíbrio de testosterona e estrogênio pode aumentar ou diminuir a libido.

Abaixo estão alguns dos itens alimentares que podem causar esse equilíbrio delicado ou ser um fator contribuinte para um impulso sexual inesperado. Depois de verificar os sabotadores sorrateiros abaixo, fique atento!

Alimentos processados removem a maioria dos nutrientes em alimentos integrais, incluindo aqueles que são importantes para o seu desejo alimentar.

Por exemplo: quando o trigo integral é processado em farinha branca, ele perde cerca de três quartos do seu zinco, um mineral essencial para a sexualidade e a reprodução dos homens.

Comer grãos refinados pode levar à resistência à insulina, a última parada antes do diabetes. O diabetes pode, por sua vez, acelerar o estreitamento das artérias, aumentando os riscos de doença cardíaca e disfunção erétil.

Beber refrigerante é uma idéia terrível, isso serve para o refrigerante diet também. Os adoçantes artificiais, especialmente o aspartame, afetam diretamente os níveis de serotonina.

A serotonina é um hormônio vital na promoção de uma sensação de bem-estar ou felicidade. Baixa serotonina, dizem os pesquisadores, está associada à menor libido em homens e mulheres. Não pode imaginar desistir de seu refrigerante diet favorito? É uma boa opção.

Como emitir a certidão do FGTS?

A certidão do FGTS é um dos documentos mais importantes para os empresários. O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) é um direito de todo trabalhador que trabalha em regime de CLT, onde a empresa é obrigada a depositar um valor referente a 8% do salário do funcionário a cada mês.

Com isso, uma certidão do FGTS negativa pode ser emitida tanto pelo trabalhador como pela empresa contratante. Essa certidão é um documento que comprova que o trabalhador não possui nenhuma restrição ou problema relacionando ao Fundo de Garantia.

Já para as empresas, a certidão serve para mostrar que todas as obrigações legais estão sendo cumpridas, ou seja, os tributos e benefícios dos funcionários estão sendo pagos corretamente.

Essa certidão pode ser emitida por qualquer trabalhador que tenha sido contratado por um regime CLT e pelas empresas que pagam o fundo de garantia corretamente, perante a Caixa Econômica Federal.

Para emitir a certidão do fundo de garantia é necessário acessar o site da Caixa Econômica Federal, munido do NIS (Número de Identificação Social) e a senha cadastrada, confira as dicas de como emitir a certidão:

Passo 1 – Acesse o site do FGTS Online http://www.fgts.gov.br/Pages/FGTS_on_Line.aspx;

Passo 2 – Encontre a opção “Extrato do FGTS”, clique em cima e após isso insira os dados solicitados, inclusive a senha, caso não tenha uma senha cadastrada, é necessário cadastrar ela;

Passo 3 – Você irá encontrar a sua certidão com informações relacionadas, além de acessar o extrato também é possível imprimir uma cópia.

Certidão para empresas

Para as empresas, diferente das pessoas físicas, a certidão possui um propósito diferente, esse tipo de documento serve para mostrar que a empresa não possui restrição com os seus respectivos funcionários.

Passo 1 – Abra o navegador e insira o link https://www.sifge.caixa.gov.br/Cidadao;

Passo 2 – A página que abrirá exigirá que você informe o número do CNPJ da empresa e o estado em que ela está inserida, após o preenchimento das informações, a página gerara um código de verificação, após isso clique em “Consultar”;

Passo 3 – Aqui também, assim como a certidão de pessoa física, o link gerará a certificação da atual posição da empresa, e é possível imprimir para emitir o documento.

Caso você não consiga gerar o documento pela internet, é necessário que você se desloque até uma agência Caixa para emitir a certidão, o procedimento é simples e rápido.